Enxerto ósseo – Levantamento Seio Maxilar (LSM)

Enxerto ósseo – Levantamento do Seio Maxilar (LSM)

Para a instalação dos implantes dentais é necessário uma quantidade óssea mínima. Em muitos casos, principalmente na região posterior da arcada superior, o paciente não tem osso suficiente(1). Quando perdemos dentes nessa região, pode ocorrer, também, grande perda óssea em altura, aproximando-se do seio maxilar (setas).  Com isso, temos que abrir mão das técnicas de enxertia óssea.

O levantamento de seio maxilar, nome dado ao enxerto ósseo dessa região, é uma técnica muito utilizada e consolidada na implantodontia. Um procedimento relativamente simples, com anestesia local, permite uma abertura da janela lateral do seio maxilar(2), ou seja, um acesso à região onde se deseja o aumento ósseo (setas). Coloca-se o material nessa cavidade(3) e aguarda-se a cicatrização(5). Aproximadamente 6 meses. Após esse tempo, podemos então, instalar os implantes(6).

Existem várias marcar e tipos de materiais utilizados nessa enxertia. Eles podem variar de acordo com a preferência do cirurgião. O Bio Oss é hoje o líder do mercado e possui ótimos resultados.

O pós operatório normalmente é tranquilo e indolor, desde que o paciente faça o uso correto das medicações e siga corretamente as instruções do cirurgião.

As contra indicações para essa cirurgia são: diabetes descompensada, sinusite crônica, infecção no seio maxilar, neoplasias, entre outras.

Deixe seu comentário